DISCURSOS GASTRONÔMICOS E MACARRÔNICOS

sábado, 4 de julho de 2009

Sábado

Umidade fresca no ar. Do chão dos pastos ao encardido das telhas velhas. Manhã de nuvens lavadas e alvas, que quase se sacudiam como fazem os passarinhos molhados.
Como todos os dias, não havia emoção no leite ou no café, ou no bule que o levava quente. A emoção se dava na riqueza do paladar de cada um.
Um tanto de massa está sendo sovada. Passa pela estreiteza do cilindro do mesmo jeito que a vida nos prova, uma, duas, infinitas vezes, até ficar do agrado do criador. Ninguém diria que aquilo era só farinha e ovo - ninguém diria que do pó fomos feitos.
A massa amarela descansa e espera com a mesma presteza de toda comida, mas não sabe que outras provações virão.
Dinda rasga desfiadinho um pedaço de pernil, assado na madrugada sobre as brasas do fogão adormecido. A carne absorveu a essência dos temperos e deixou-se dominar. Ela e os outros sabores eram agora uma coisa só: um recheio digno de ser abraçado.
Em pequenos quadrados, a massa envelopa - pelas mãos de Dinda - o pernil pronto transformado em centenas de pequenos tantinhos.
Os raviólis de pernil estufam na água quente enquanto o molho vermelho ferve calmo e macio na panela grande ao lado. Na mesa, travessa fria, salada fresca: pedaços não menos carnudos de palmito intercalados com brotinhos de erva-doce.
Prato do dia: emoção.

5 comentários:

Cruela Cruel Veneno da Silva disse...

delicia de texto

Foquinha! disse...

Do texto abaixo, quer melhor presente que o pecado da gula? endereço certo, ou o meu ou da patroa, vai cozinhando

Sábado e pernil temperado me faz pecar pela emoção, sim... do hábito, do zóio grande,do barrigão d'água, dessa fome desinfeliz... mto bom, bjs!

Anita disse...

RAVIOLI DE PERNIL ????
Para tudo, morri.

Anônimo disse...

Ahhhh Dinda, babeí aquí....rs
hummmmmmmmm imagino que delicia ....
vc descreve com tanta sensibilidade e riqueza de detalhes , que td se torna poesia aromatica!
bjsssss
mineira

Ita Andrade disse...

Ta bem que o texto é muito bom mas não vale por uma semana in-tei-ri-nha sem posts.
Larga as panela muié e vortaqui!